Publicidade

Ensaio Fotográfico

Publicidade

Categorias

Entrevistas

16/12/2017 às 15:58:00

EUA alertam para produção de fentanil no México

Redação
Os Estados Unidos advertiram nesta quinta-feira que organizações criminosas no México estão produzindo fentanil, um opioide sintético 50 vezes mais forte do que a heroína, que até o momento procedia da China.

O procurador-geral dos EUA, Jeff Sessions, pediu a destruição destes laboratórios clandestinos para evitar "um grande problema no futuro", ao final de uma reunião bilateral entre Estados Unidos e México sobre organizações criminosas internacionais.

"O fentanil, a princípio, chegava principalmente da China, diretamente pelo correio para os Estados Unidos", recordou Sessions.

Agora, "uma quantidade considerável" também chega via México, pela fronteira, e "também estamos vendo que laboratórios de fabricação estão se desenvolvendo" no território mexicano.

Cada vez mais o fentanil causa overdose entre usuários de drogas nos Estados Unidos, onde no ano passado matou 64 mil pessoas.

"Assim, uma das prioridades que gostaria de ter é cortar este mal pela raiz, focar intensamente nestes laboratórios, e garantir que não serão um grande problema no futuro", disse Sessions.

O chanceler mexicano, Alberto Elías Beltrán, disse que o governo de Enrique Peña Nieto também está concentrado em fechar estes laboratórios.

Ao combater a produção de heroína, a força pública também se concentra "no fechamento dos laboratórios clandestinos que podem produzir tanto esta substância como o fentanil".
yahoo
Publicidade